Loira está com R$ 100 presos na calcinha e mulherada fica no veneno

A gata pede ajuda para encontrar o dinheiro e marmanjos descobrem que a grana está em um lugar para lá de indiscreto. Confira mais pegadinhas do João Kléber Show em. Os marmanjos ficam interessados na gata e o malandro freia a empolgação da galera. Confira mais pegadinhas do João Kléber Show em. Confira mais vídeos em. Confira mais vídeos em. Confira mais vídeos em. Confira mais vídeos em. Confira mais vídeos em. Henrique Meirelles (MDB) questiona Jair Bolsonaro (PSL) sobre uma suposta afirmação de que mulheres deveriam ganhar menos do que homens pois, segundo Meirelles, Bolsonaro diz uma coisa nos debates, mas, no plano de governo, as coisas seriam diferentes. Bolsonaro reage: "É mentira que eu defendi, em qualquer época da minha vida, que mulher deve ganhar menos que homem". Cabo Daciolo (Patriotas) questiona Guilherme Boulos (PSOL) sobre a possibilidade de haver fraude nas urnas eletrônicas e Boulos opina: "As urnas eletrônicas são um sistema que, internacionalmente, não há qualquer tipo de reparo em relação a ele, eu não tenho por que ter qualquer tipo de questionamento às urnas eletrônicas. " O candidato do Patriotas discorda: "Tem que haver as cédulas, porque senão já está tudo escrito lá no final, já está tudo programado, já tem um candidato da nova ordem mundial para entrar no país".

Durante debate na RedeTV, Ciro Gomes pergunta a Geraldo Alcmin, se caso eleito, manteria a "PEC do teto". O ex-governador de São Paulo disse que a PEC foi criada em razão dos gastos do PT e acrescenta que não precisará da medida, pois acredita que a solução para a crise está em "reduzir o tamanho do Estado". Cabo Daciolo (Patriotas) chama o debate de "um grande teatro" e questiona Guilherme Boulos se ele acredita que os outros participantes do evento, que estão há anos na política, têm alguma 'vergonha na cara'. Boulos é direto: "De fato, tem muita gente sem vergonha na política brasileira, gente que só cuida dos seus interesses, do seu egoísmo. ". A gata está empolgada com o emprego novo e precisa da ajuda dos marmanjos. Confira mais pegadinhas do João Kléber Show em. Jair Bolsonaro disse ser favorável à liberação do posse de armas no Brasil e Marina Silva negou compactuar com a opinião do convidado do PSL. A candidata da Rede direcionou sua resposta para a discriminação das mulheres no mercado de trabalho que, segundo Bolsonaro, não existe. “Você acha que pode defender tudo no grito, na violência. Você é um deputado, um pai de família. Um dia desses você pegou a mãozinha de uma criança e o mostrou como atirar. É esse ensinamento que você quer dar ao povo brasileiro? ”, disparou a candidata da Rede.

O colunista da RedeTV, Reinaldo Azevedo fala sobre suas expectativas para o segundo debate presidencial das eleições 2018. A gata quer vender produto de beleza e tira a mulherada do sério. Confira mais pegadinhas do João Kléber Show em. A galera ficou furiosa com tradução de entrevista de um repórter asiático. Confira mais pegadinhas do João Kléber Show em. Confira mais vídeos em. Veja como foi #DebateRedeTV com os candidatos à Presidência da República nas eleições de 2018. Confira mais vídeos em. Confira mais vídeos em. Confira mais vídeos em. Representantes falam sobre a campanha e a preparação para o debate RedeTV. Os convidados serão Paulo Rabello de Castro, candidato a vice-presidente na chapa de Alvaro Dias (Podemos); Juliano Medeiros, presidente nacional do PSOL e representante de Guilherme Boulos; Márcio Pochmann, responsável pela coordenação do plano de governo do PT; Andrea Gouvea Vieira e Lourenço Bustani, coordenadores gerais da campanha de Marina Silva (Rede); José Márcio Camargo, coordenador do programa de governo de Henrique Meirelles (MDB); e Nelson Marconi, coordenador do plano de governo de Ciro Gomes (PDT). Os candidatos Geraldo Alckmin (PSDB), Jair Bolsonaro (PSL) e Cabo Daciolo (Patriota) não enviarão representantes.

Edie Polo mostra as principais notícias do dia e as denúncias enviadas pelos telespectadores. Confira mais vídeos em. Confira mais vídeos em. Em pré-aquecimento para o #DebateRedeTV com os presidenciáveis, recebemos a líder de parcerias mídia do Facebook, Cláudia Gurfinkel, e o diretor de parcerias de notícias do Twitter, Gustavo Poloni, para explicar como as redes sociais irão lidar com as eleições 2018.

2018.08.19T15:00:02
120
16 551 Visualizações